• Portal Vale dos Pireneus

Pela 1º vez desde o mês de abril, o contágio da Covid-19 desacelera no Brasil

De acordo com uma pesquisa realizada pelo Imperial College, a taxa de transmissão é inferior a 1. Os resultados ainda não mostraram a estabilidade do controle


Segundo cálculos do Centro de Controle Epidemiológico do Imperial College, o Brasil registrou a disseminação do coronavírus sob controle pela primeira vez em quase quatro meses. Na semana que começa no domingo (16), o índice de infecção (indicando quantos patógenos cada infectado transmite em média) foi de 0,98. Isso significa que cada 100 pessoas infectadas pela Covid-19 outras 98 contagiam, que por sua vez passam o patógeno para 96, que o transmitem a 94, desacelerando a contaminação.


No entanto, a nova situação no Brasil não significa controle estável da transmissão. Como revelou a pesquisa Datafolha realizada no dia 17, a reaceleração das doenças infecciosas pode ser fruto de mais otimismo em relação à epidemia e à mobilidade das pessoas.


Equador e Bolívia, que conseguiram reduzir seus indicadores, voltaram à fase de aceleração esta semana, em 1,16 e 1,05 respectivamente. O mesmo acontece em países europeus como Espanha, Rússia e França.


Além do Brasil, o único país com taxa de transmissão inferior a 1 é o Chile, que é de 0,85. O país completou recentemente a oitava semana de controle da infecção, conforme informações da Folha.


O Imperial College calcula a taxa de transmissão com base no número de mortes reportadas, porque o dado é menos sujeito a subnotificações que o de casos registrados; como há uma defasagem entre o momento do contágio e a morte, mudanças nas políticas de combate à epidemia levam em média duas semanas para se refletirem nos cálculos.




SIGA A GENTE EM NOSSO INSTAGRAM:

@portalvaledospireneus

Quer ser um parceiro do nosso portal?

entre em contato conosco via e-mail:

portalvaledospireneus@gmail.com


105 visualizações0 comentário