• Portal Vale dos Pireneus

MEC define novas datas para o enem 2020



Devido à pandemia do novo coronavírus, o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) foi adiado, e sua versão impressa foi remarcada de 17 para 24 de janeiro de 2021. A nova data para este teste foi anunciada ontem (8) em uma conferência de imprensa na Internet, que contou com a presença do secretário executivo da pasta, Antonio Paulo Vogel, que é o ministro interino, e o presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), Alexandre Lopes.


A versão digital do exame será aplicada em 31 de janeiro e 7 de fevereiro de 2021. Está previsto reaplicar o teste de 24 a 25 de fevereiro do próximo ano. Os resultados serão divulgados em 29 de março. "Entendemos que essa decisão não é perfeita e maravilhosa para todos. Sabemos que não. Portanto, quando procuramos uma solução técnica, tentamos encontrar a melhor data para todos", disse Vogel. Disse ao anunciar o novo calendário. Segundo ele, a definição de data foi determinada após um diálogo com a secretaria estadual de educação e entidades representativas das instituições de ensino superior (privadas e públicas).


Segundo o presidente Inep, medidas higiênicas serão tomadas durante o teste, como o uso de álcool gel e a distância adequada entre os alunos. Alexandre Lopes disse que a aplicação do exame terá um custo adicional de aproximadamente R $ 70 milhões ao governo federal para o programa de saúde.


“Estamos prontos para fazer essa execução em janeiro. Já estamos adotando as medidas necessárias, junto ao consórcio aplicador, para garantir a segurança sanitária durante a aplicação da prova, medidas relativas ao uso de álcool gel, uso de máscara, distanciamento e quantidade a alunos nas salas de aplicação do exame”, afirmou Lopes.


Enquete Pública


Na semana passada, o governo divulgou os resultados de uma pesquisa, que perguntou quando os estudantes deveriam fazer o exame do Enem 2020. Entre as três datas propostas, a mais citada foi em maio de 2021.


"Mais da metade dos alunos preferiu dezembro e janeiro. Então, estamos atendendo esse público que é mais de 50% dos alunos", comentou o secretário-executivo.


"A enquete não seria o único parâmetro para definição da data. Ela era mais um parâmetro. Nós sempre entendemos que seria muito importante ouvir os secretários estaduais de educação, assim como também as instituições de ensino superior", disse o secretário-executivo.


Segundo o governo, o Enem 2020 foi preparado antes da pandemia e seu conteúdo permanece inalterado. Quanto ao Enem digital, o MEC acredita que o teste poderá ser completamente digital até 2026.





SIGA A GENTE EM NOSSO INSTAGRAM

@portalvaledospireneus




Quer ser um parceiro do nosso portal?


entre em contato conosco via e-mail:

portalvaledospireneus@gmail.com

147 visualizações0 comentário